Warning: php_uname() has been disabled for security reasons in D:\http\respirareviver\web\wp-content\plugins\magic-fields-2\mf_extra.php on line 39 ABRAF - Associação Brasileira de Amigos e Familiares de Portadores de HIPERTENSÃO ARTERIAL PULMONA

Marcia Ribeiro


Olá, meu nome é Marcia, tenho 27 anos e há 8 meses descobri que tenho HAP idiopática.

Bem no começo, fiquei em desespero e achei que ia morrer. Também já havia tido uns 7 desmaios. Foi aí que estranhei, porque cansaço eu sempre tive, mas, quando criança, o médico dizia que era sopro no coração.

Fui levando minha vida: trabalhava de doméstica e, nos finais de semana, trabalhava de barwoman.

Desde meus 20 anos tinha uma vida bem corrida: era baladeira, não perdia uma festa, bebia, fumava aos finais de semana, não tinha limite. Era bem louca Então, como comecei a passar mal, resolvi pagar um eco cardiograma e ai foi que constou na hora. Eu nem liguei, pois não sabia o que era HAP, mas depois as coisas se complicaram…

Acabei conseguindo uma vaga nas clinicas. Fiquei 35 dias internada. Percebi que não era brincadeira e comecei a ver as coisas de outra forma.

Estava me cansando cada vez mais e até meu relacionamento estava acabando, pois até no sexo eu me cansava. Então conheci uma médica maravilhosa enviada por deus: Dra. Adriana de Pádua. Ela que me passou o bosentana e agora, sim, tenho esperança de vida…

O que me deixa triste é que gostaria de ter uma filha. O que mais me alegra é ver meu filho crescer: ele tem 5 anos, se chama Leonardo. Até meu relacionamento melhorou.

Hoje sou uma nova pessoa Claro que tem dias que estou cansada, mas não como antes. Minha vida era chorar. Vi meu mundo desabar e parei com tudo. Hoje estou retomando dia a dia e, se você tem o mesmo problema, não desanime. Eu também acha que era a única, que Deus não me amava e que eu ia morrer… Hoje penso assim: “morrer todos vamos, então que tal começar a aprender a viver?”

Graças a Deus eu tô vivendo e quero viver cada dia mais!!!

Obrigada.

Meu e-mail é: maicram2@ho1mail.com, caso queiram saber mais ou bater um papo. Tchauuu!